Sobreviver em Gaza

Imad Eid é um jornalista palestiniano encurralado na cidade de Gaza. Ao Expresso contou como se sobrevive num cenário de guerra. Ainda que separado da família, tenta protegê-la, a todo o custo, do fogo inimigo.

Há pouco discutia com o Silas a situação que se está a viver em Gaza. Falávamos das dificuldades sentidas pela população; da dor e pressão constantes que esta tem por saber que ninguém está seguro…

Tentamos imaginar tudo isto, mas torna-se impossível fazê-lo com precisão… Somos inconscientemente levados para uma panóplia de imagens e sons, que por mais significativos que pudessem ser(e o devessem ser), estes vídeos tornam-se um espelho da nossa futilidade quanto a estes problemas.

Talvez esta futilidade possa ser compreendida, uma vez que não é um assunto que interfira directamente nas nossas vidas. Mas não… estamos mais dependentes de uma resolução desta “revolução” bélica do que muitas outras coisas!

Onde há jogos de poder, há conflitos. Onde há conflitos, há revoltas. Onde há revoltas, há armas. Onde há armas, há um “cabecilha” que enriquece com a “diversão” dos outros. Cabecilha este que é capaz de se virar e dizer “Rezei esta noite para que houvesse paz”.

Esta é uma guerra recente que já se existia antes de se ter iniciado. Guerra essa que nunca acabará, enquanto a religião for o cerne de todos os problemas.

 

1 Comment on Sobreviver em Gaza

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*