E-escolas para o 11º e 12º ano

O programa e-escolas, vai ser alargado ao 11º e 12º ano do ensino Secundário, ainda durante este ano, abrangendo mais 250 mil potenciais alunos. O alargamento vem no seguimento de pedidos de pais e educadores dos últimos anos do ensino secundário, que consideravam o espectro do programa, anteriormente limitado ao 10º ano, insuficiente e discriminatório.

e-escolas.jpg

Contemplada na mesma resolução de Conselho de Ministros que instituiu o alargamento dos potenciais beneficiários do programa e-escolas, está também a disponibilização de computadores adaptados a utilizadores com necessidades educativas especiais, sem custos adicionais.

Os potenciais abrangidos pelo programa, que visa facilitar o acesso a computadores portáteis e acesso à Internet de banda larga, ascendem assim a 750 mil, entre professores, alunos e formandos do programa Novas Oportunidades.

fonte11.pngFonte: Msn

4 Comments on E-escolas para o 11º e 12º ano

  1. Sou aluno do Ensino Recorrente, na Escola Secundária de Fafe na Turma do 12 º ano do Regime Não Presencial, e gostaria de saber o porquê de não poder adquirir um computador do programa e.escola se sou um aluno normal como por exemplo os das novas opurtunidades.
    Ou sera que a minha escola não e normal? Serão os centros de novas opurtunidades mais normais doque uma escola a “sério “

  2. Pedi um computador pelo programa e-escolas e até ao momento não chegou. Acontece que acabei o 12º ano e não vou precisar mais dele. Já paguei adiantado como me foi exigido, só que, pelos vistos, não têm stok de nenhuma marca pois já me telefonaram várias vezes para escolher outro e outro e outro… até que acabei os estudos. Pedi para me devolverem o dinheiro. Mandei um e-mail e não responderam. Enviei uma carta regitada com aviso de recepção e mesmo assim me telefonaram para escolher outro computador! A Educação está mal em Portugal ou são Eles que não souberam estudar?

Leave a Reply

Your email address will not be published.


*